sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Novo Blog

Na montagem grotesca acima, uma cacimba acoplada a um poço quântico.



Pessoal,

Dada a minha evidente esterilidade para conceber novos textos aqui, resolvi criar um outro blog, o Cacimba Quântica. Mais informal, e não preso a um único recinto, deve me dar mais liberdade para falar de mim mesmo, expor minhas ideias e visão de mundo. Espero que possam achar alguma coisa de interessante lá.

O Alfândega continua à espera de que sarem a minha esterilidade e paralisia digital, para que eu possa postar textos aqui com mais frequência. Histórias não faltam, embora eu já tenha saído dos plantões e esteja trabalhando em uma outra área da repartição.

Abraços a todos!

4 comentários :

ROSEMARY MARQUES disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ROSEMARY MARQUES disse...

Oi Joeldo tudo bem?

Estou me descobrindo como uma leitora fã dos teus textos. Entrei para o clube dos fãs que esperam ansiosos pelas próximas edições. Embora não tenha estado presente em outros momentos (quando você criou os blogs) por atraso do destino que não me permitiu te conhecer antes. Sou uma recente viciada nos teus blogs e tenho prazer em ler seus teus textos. Consequentemente redescobri o prazer da leitura que por correria da vida deixei o hábito depois que saí do curso de Letras e pecaminosamente me acostumei aos os textos enlatados e sem nutriente algum. Esse hábito junta a farsa dos que escrevem os enlatados com a mania de alguns brasileiros de fingir que está lendo. Eu caí nessa armadilha que me deixou numa inanição cultural, mas graças a Deus fui salva por sua caridade de doar tua mistura poderosa de nutrientes culturais.

Se fizesse uma eleição dos textos mais apreciados, sem dúvida todos eles teriam uma enxurrada de votos, cada um em categorias distintas. Os desavisados, porém duvidariam se os textos realmente foram escritos por uma só pessoa dada à pluralidade de assuntos tão bem definidos e capacidade de alcançar a todos os gostos. Dúvida essa que eu que te conheço posso eliminar. Realmente, é inacreditável, mas você é uma pessoa que reúne todas as qualidades de um ser iluminado, inteligente, culto, hilário e com a mais pura essência do amor e justiça.
Ah, eu, porém votaria em "O Retorno de Ermelinda" como o texto mais cômico embora retrate o comportamento trágico de uma parcela de seres humanos pobres de espírito que infelizmente vivem entre seres brilhantes como você. Chorei de rir.

Tenho curiosidade de saber qual seria sua visão poética de mim ou no mínimo analítica. Tenho certeza que brilhante como você é em tuas colocações encontraria as palavras certas para me descrever. Não me interessaria ouvir apenas coisas boas, até as críticas vindas de você são capazes de me fazer uma pessoa melhor.
Incrível, mas chega um momento de nossas vidas - estou falando de mim - que nos encontramos em uma encruzilhada tão complicada que necessitamos do olhar de um observador especialista para dar um diagnóstico e quem sabe uma luz.

Parabéns!
Um abraço Joeldo

Continue doando sua essência que pelo menos para mim está sendo de vital importância para eu repensar minha vida.

Rosemary Marques.

ROSEMARY MARQUES disse...

Oi Joeldo tudo bem?

Estou me descobrindo como uma leitora fã dos teus textos. Entrei para o clube dos fãs que esperam ansiosos pelas próximas edições. Embora não tenha estado presente em outros momentos (quando você criou os blogs) por atraso do destino que não me permitiu te conhecer antes. Sou uma recente viciada nos teus blogs e tenho prazer em ler seus teus textos. Consequentemente redescobri o prazer da leitura que por correria da vida deixei o hábito depois que saí do curso de Letras e pecaminosamente me acostumei aos os textos enlatados e sem nutriente algum. Esse hábito junta a farsa dos que escrevem os enlatados com a mania de alguns brasileiros de fingir que está lendo. Eu caí nessa armadilha que me deixou com inanição cultural, mas graças a Deus fui salva por tua caridade de doar tua mistura poderosa de nutrientes culturais.

Se fizesse uma eleição dos textos mais apreciados, sem dúvida todos eles teriam uma enxurrada de votos, cada um em categorias distintas. Os desavisados, porém duvidariam se os textos realmente foram escritos por uma só pessoa dada à pluralidade de assuntos tão bem definidos e capacidade de alcançar a todos os gostos. Dúvida essa que eu que te conheço posso eliminar. Realmente, é inacreditável, mas você é uma pessoa que reúne todas as qualidades de um ser iluminado, inteligente, culto, hilário e com a mais pura essência do amor e justiça.
Ah, eu, porém votaria em "O Retorno de Ermelinda" como o texto mais cômico embora retrate o comportamento trágico de uma parcela de seres humanos pobres de espírito que infelizmente vivem entre seres brilhantes como você. Chorei de rir.

Tenho curiosidade de saber qual seria sua visão poética de mim ou no mínimo analítica. Tenho certeza que brilhante como você é em tuas colocações encontraria as palavras certas para me descrever. Não me interessaria ouvir apenas coisas boas, até as críticas vindas de você são capazes de me fazer uma pessoa melhor.
Incrível, mas chega um momento de nossas vidas - estou falando de mim - que nos encontramos em uma encruzilhada tão complicada que necessitamos do olhar de um observador especialista para dar um diagnóstico e quem sabe uma luz.

Parabéns!
Um abraço Joeldo

Continue doando sua essência que pelo menos para mim está sendo de vital importância para eu repensar minha vida.

Rosemary Marques.

Olivia Gomes disse...

Que bonito texto... Saber ler é mesmo uma coisa boa. Saber escrever é um presente dos deuses... e tu foste agraciada...
Muito interessante seu Blog,adoreeeei as postagens,são bem autenticas e desejos muita inspiração,pois já estou seguindo pra não perder nada
Espero sua visita no meu blog tb. http://ideiasdequiteria.blogspot.com/
Bjos
@quiteria__